18Jun

Governo lança proposta criando dificuldades para aquisição de residência permanente no Reino Unido

Posted by admin as Blog, Dicas de imigração, Londres, Notícias sobre imigração

Giselle Ribeiro

O governo Britânico não tem medido esforços quanto ao lançamento de propostas para limitar o número de imigrantes que querem permanecer Reino Unido. Dando continuidade a essas mudanças, o governo declarou, no dia 09 de junho de 2011, que em breve os imigrantes com visto temporário de trabalho enfrentarão maiores restrições ao solicitar a residência permanente.

No sistema atual, aqueles que possuem visto temporário de trabalho, classificados como Tier 2 no sistema baseado em pontos, tem a possibilidade de solicitar o visto definitivo desde que possam cumprir com todos os requisitos e prazos necessários.

De acordo com o órgão de controle de Imigração (UK Border Agency), estudos demonstram que no ano de 2010, cerca de 84.000 pessoas das que entraram no Reino Unido com visto temporário de trabalho tiveram residência permanente concedida, o que contrasta com o ano de 1997, no qual apenas cerca de 10.000 pessoas obtiveram êxito ao requerer o visto permanente. Com essa reforma, o governo pretende reduzir os níveis de imigração de acordo com um limite anual que ainda será estabelecido pelos órgãos responsáveis.

Alguns novos requisitos para a solicitação de residência permanente já entraram em vigor, como por exemplo, para aqueles que se candidatarem aos vistos de investimento e de trabalho nas categorias Tier 1 ou Tier 2, é exigido demonstração de proficiência em inglês, satisfazer exigências salariais específicas e provar bom comportamento, sem nenhuma infração criminal.

Além disso, o governo lançou uma consulta pública que irá analisar, em doze semanas, novas propostas para a reforma.

Tudo indica que o Tier 2 deverá ser renomeado, passando a ser considerado visto temporário, essa mudança acabará com a suposição de que a solicitação de  residência permanente estará garantida para todos aqueles que desejarem obter essa categoria de visto de trabalho.

Como ressalta o nosso especialista de imigração Humberto Ferrarini, no sistema atual aqueles que obtém visto de trabalho pelo período contínuo de 5 anos, ao final desse período poderiam estar solicitando a residência permanente. Com as novas mudanças propostas o governo estará criando maiores requisitos ou selecionando as categorias e ocupações de trabalho para aquisição da residência permanente no Reino Unido.

Ainda sobre o Tier 2, é possível que sejam criadas subcategorias para este nível, as quais será permitido solicitar o visto definitivo. Acredita-se que, por exemplo, pessoas que estiverem recebendo um salário maior que £150.000 ou que possuírem ocupações consideradas de alto valor econômico ou social para o Reino Unido estarão aptas a solicitar a residência permanente.

Além disso, poderá ser criada uma nova categoria considerada excepcional no Tier 2, que permitirá a aplicação da residência permanente àqueles que residiram por, no mínimo, três anos no Reino Unido. Já as demais subclassificações do Tier 2, aquelas que não terão direito a solicitação da residência permanente, permitirão que o migrante permaneça no Reino Unido por um prazo máximo de 5 anos. O governo ainda decidirá como, exatamente, serão constituídas e de que forma irão funcionar essas categorias.

Outra exigência que, possivelmente, será implementada, diz respeito àquelas pessoas que pretendem ser considerados como dependentes de um migrante que possua o visto de Tier 2. O governo estuda exigir a comprovação de nível de Inglês para todos os indivíduos que venham para o Reino Unido como dependente do trabalhador, com visto Tier 2.

Além de todas essas reformas a serem discutidas em relação ao Tier 2, o governo ainda pretende realizar mudanças no Tier 5, restringindo, provavelmente, o tempo máximo de 12 meses a licença para viver no Reino Unido.

As autoridades também querem limitar as rotas para aqueles trabalhadores, que retornam com os seus empregadores, após um período de residência no exterior, como é o caso de empregados domésticos, jardineiros, chefes de cozinha, motoristas. A nova proposta planeja a extinção desse pedido de visto de trabalho.

Segundo o Ministro de Imigração, Damian Green, as propostas descritas acima têm como objetivo romper a relação entre a imigração temporária e a permanente, introduzindo critérios mais rigorosos para aqueles que quiserem permanecer no Reino Unido, os quais permitirão, segundo ele, o maior controle da migração pelas autoridades.

Para maiores informações sobre vistos de trabalho e residência permanente no Reino Unido, por favor, entre em contato com a Londonhelp4U. Nos estamos preparados para lhe oferecer o melhor suporte e segurança na solicitação de seu visto.

 

 

GOVERNMENT LAUNCHES PROPOSAL TO TOUGH THE ACQUISITION OF PERMANENT RESIDENCE IN THE UNITED KINGDOM.

The UK government has not been measuring efforts with regards to create tough rules to limit the number of immigrants settling permanently in the UK.

Continuing to these changes, the government declared, on June 9, 2011, that immigrants with temporary work visa will face more restrictions when applying for permanent residence.

In the current system, those with temporary work visa, classified as Tier 2 in the points-based system has the possibility of applying for permanent visa provided they meet all necessary requirements and deadlines.

According to UK Border Agency, studies has shows that in 2010, approximately 84,000 people of those who entered the UK on temporary work visa were granted permanent residence, which contrasts with the year 1997, in which only about 10,000 people have succeeded in requiring the permanent settlement. With this reform, the government aims to reduce immigration levels according to an annual limit.

Some new requirements for applying for permanent residence has entered into force, for example, for those who wants to apply for visas in the investment and work categories Tier 1 or Tier 2, is required to demonstrate English proficiency, meet specific salary requirements and prove good behavior, without any criminal offense.

In addition, the government has launched a public consultation that will examine, in twelve weeks, new proposals for reform. Everything indicates that Tier 2 should be renamed and as a result, considered a temporary visa. This will eventually change upon the assumption that the request for permanent residence for those who wish to obtain through this category is always granted.

As stressed by one of our experts in immigration advice, Humberto Ferrarini, in the current system those who get work visa for the continuous period of five years, at the end of this period could be seeking permanent residence. The new proposed changes will create more government requirements or selecting categories of work and occupations to acquire permanent residence in the UK.

Still on the Tier 2, it might be created subcategories to this level, which will be allowed to apply for a permanent visa. It is believed that, for example, people who are receiving a salary greater than £ 150,000 or who have occupations considered high social or economic value to the UK will be able to apply for permanent residence.

Furthermore, it may be created a new category considered exceptional in Tier 2, which will allow the application of permanent residence to those who have resided for at least three years in the UK. As for the other subgroups of Tier 2, those who do not have the right to request permanent residence, the migrant will remain in the UK for a maximum period of 5 years. The government has yet to decide how, exactly, will be constituted and how they will operate these categories.

The government is considering requiring evidence of English level for all individuals who come to the UK as a dependent Tier 2 visa holder. Besides all these reforms to be discussed in relation to Tier 2, the government intends to make changes in Tier 5, restricting, probably, to the maximum of 12 months leave to live in the UK. The authorities also wants to limit the routes for those workers who return with their employers after a period of residence abroad, as in the case of domestic servants, gardeners, chefs, drivers, etc. The new proposal plans to the extinction of the request for a work visa.

According to the Immigration Minister, Damian Green, the proposals outlined above are aimed at breaking the link between temporary and permanent immigration by introducing more stringent criteria for those who want to stay in the UK which would, according to him, the better control of migration authorities.

For more information about your rights in the UK, or to know more about how to officialise your visa status, please contact the London Help 4U. We are prepared to offer the best support and security on your visa request, regardless of category.

4,01